Ir para o conteúdo

Câmara de Itaquaquecetuba
Acompanhe-nos:
Rede Social Facebook
Rede Social Youtube
Rede Social Instagram
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
OUT
04
04 OUT 2021
AUDIÊNCIAS
364 visualizações
Prefeitura fecha 2º quadrimestre com saldo positivo de R$ 174 milhões
Foto Noticia Principal Grande
Números foram apresentados aos vereadores e à população
PROCESSANDO ÁUDIO
Valor é o resultado da conta "receita menos despesa" durante os meses de maio, junho, julho e agosto

A Prefeitura de Itaquaquecetuba fechou o 2º quadrimestre de 2021 com um superávit, que é o resultado positivo da diferença entre receita e despesa, no valor de R$ 174 milhões, informou o secretário municipal de Finanças e Contabilidade, Mário Toyama, durante audiência pública realizada no dia 30 de setembro na Câmara Municipal. A reunião para tratar sobre metas fiscais foi comandada pelo vereador Elias Rossi (PP), presidente da Comissão de Finanças da Câmara, junto dos membros vereador Diego Estilo Raro (Avante) e vereador Fábio do Açougue (PP).
Para o secretário Mário Toyama, o saldo positivo foi possível devido à gestão eficiente realizada pela administração do prefeito Eduardo Boigues (PP), que reviu contratos de aluguéis, enxugou a máquina pública e regularizou a Certidão Negativa, o que possibilita a conquista de verbas por meio de emendas parlamentares e de programas do governo estadual e federal. “Hoje, o gasto com pessoal (servidores) é de 34% a 36%, sendo que em outros tempos era no limite permitido de 54%”, explicou.
O vereador Rolgaciano (Pode), que acompanhou a audiência, elogiou a gestão. “Depois de muito tempo temos aqui um saldo positivo (nas contas públicas). Isso nos motiva muito e dá expectativa muito positiva para o futuro do nosso município”, ressaltou o parlamentar.
Após as explicações do secretário de Finanças e a palavra dos vereadores, o público presente teve a oportunidade de se manifestar. A munícipe Marinete Bruno, questionou sobre alertas do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo (TCE-SP) sobre a verba destinada à Educação, que não estaria atingindo os 25% exigidos por lei. O secretário lembrou que a pandemia atrapalhou alguns trabalhos no setor, principalmente devido às restrições sanitárias de combate ao coronavírus, mas que atualmente os investimentos já estão normalizados. “Estamos com 24,33% da verba destina à Educação e temos certeza que vamos atingir a exigência”, explicou Mário Toyama.

Autor: Leandro Dilon
Local: Câmara Municipal de Itaquaquecetuba
Vídeo Vinculado
04/10/2021
Referente ao 2º quadrimestre de 2021
Galerias de Fotos Vinculadas
01/10/2021
Audiências Públicas de Finanças e de Saúde, referentes ao 2º quadrimestre de 2021
Seta
Versão do Sistema: 3.1.6 - 03/11/2021
Copyright Instar - 2006-2021. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia