Ir para o conteúdo

Câmara de Itaquaquecetuba
Acompanhe-nos:
Rede Social Facebook
Rede Social Youtube
Rede Social Instagram
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
OUT
01
01 OUT 2021
CÂMARA
123 visualizações
Municípios da região debatem sobre os problemas da Habitação

A Câmara Técnica do Consórcio de Desenvolvimento dos Municípios do Alto Tietê (Condemat) debateu ontem (30/09), no Plenário Vereador Maurício Alves Braz, na Câmara Municipal de Itaquaquecetuba, os problemas relacionados à habitação na região. O presidente da Casa, vereador David Neto (PP), participou do evento e falou sobre a situação do município neste setor.
“Eu milito a 27 anos no movimento de moradias e falar sobre esse tema é importante, pois habitação é a identidade social da família. Atualmente, estamos com um problema grave causado pela pandemia. Famílias estão sem recursos financeiros e deixando de pagar prestações e contas de água e luz dos conjuntos habitacionais. Com isso, muitas delas estão retornando para áreas de risco. Fizemos um requerimento pedindo que o Governo do Estado revisse alguns casos para que as famílias não percam seus imóveis”, explicou.
Para o vereador, o desemprego tem feito com que muitas pessoas não consigam pagar suas contas, nem mesmo o condomínio, o que gera um problema em cascata, que vai aumentando e prejudicando a todos. “O déficit habitacional em Itaquá é muito grande, por isso é importante nossa luta. Quero ainda parabenizar o Condemat pelo debate, de fundamental importância e relevância, e dizer que a Câmara está de portas abertas para eventos como este”, concluiu o presidente.
A secretária municipal adjunta de Habitação de Itaquaquecetuba, Angela Quirino, lembrou que Itaquaquecetuba tem mais de 190 núcleos habitacionais e que são mais de 50% de imóveis em situação irregular. “A nova gestão, do prefeito Eduardo Boigues, leva em consideração a importância do tema habitação e nós crescemos em incentivo e apoio”, comentou.
O coordenador da Câmara Técnica do Condemat, Miguel Reis, falou da importância do debate. “É importante irmos às cidades para pegar no local as dificuldades e ansiedades na questão da habitação. E (aqui na Câmara) é uma maneira de fazer com que o Poder Legislativo participe de uma construção habitacional, com produção de normais e leis que possam viabilizar alternativas para essas questões”.
O debate sobre Habitação durou mais de duas horas e teve a participação dos vereadores de Itaquaquecetuba, Sidney Santos (PP) e Mané Barranco (PP); do secretário Executivo do Condemat, Adriano Leite; da secretária de Planejamento, Obras, Urbanismo e Habitação de Santa Isabel, Priscila Borsos de Oliveira; do Diretor de Habitação de Mogi das Cruzes, Célio Teófilo; do secretário de Habitação de Arujá, João Carlos Romão; da secretária adjunta de Habitação de Guarulhos, Marisa Martins; do Oficial do Cartório de Imóveis de Itaquaquecetuba, Marcos da Costa; além de assessores e diretores.

Seta
Versão do Sistema: 3.1.5 - 04/10/2021
Copyright Instar - 2006-2021. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia